Ir á Marina

Tens no interior à vista,
A via a um mar!
Ida de um litoral.
Nada à regra geral!

Em que vê?
Da montanha,
O topo no mar.

Beirando o mar e a vida
Encontrar uma Marina

Beijando o ar
Flutuante no mar
A Marina

O topo,
Lá se alojar?

Do mar viver,
No ar sonhar,
Do mundo esquecer.

Minha Marina conhecer!
Dela se entorpecer,
Devanear.

Da montanha seu topo,
Não se move ao mar.
Da Marina o mar,
Pelo ar,
Ao pensar,
Ao topo vai.

Aguá em neve
Sonho leve
Desenho de mar virar
Onde a Marina lá está.

Brasileiro Rocha

2 comentários:

  1. Há uma Marina pelas bandas de cá também, aqui nas bandas do Sul também tem uma Marina, insana,gótica,maluca, santa.
    Marina ao mar um dia irá se entregar...
    Beijosss

    ResponderExcluir